Gerenciando as 3 fases logísticas do agronegócio

”Dominar toda cadeia produtiva”, isso é de fundamental importância para quem quer fazer sucesso e ter uma boa reputação junto ao mercado. No agronegócio, isso não é diferente, as atividades não se limitam apenas a plantio ou pecuária, para que toda produção seja um sucesso é necessário que o empreendedor pense fora da “caixinha”, é necessário que o empreendedor domine a sua cadeia produtiva, principalmente a área logística, que é a peça-chave para concluir todo o ciclo. Um ciclo extenso e que requer muito cuidado.

A logística no agronegócio cuida de toda a movimentação de seus materiais, numa explicação direta, ela vai ”desde antes da porteira” até ”depois da porteira”. Além disso, a logística no agronegócio também envolve a compra, armazenamento e a distribuição dos produtos. Todas as operações devem ser feitas com agilidade e qualidade.

A participação da logística nesse meio é segmentada e possui três etapas integradas, são elas:

Logística de suprimentos

A logística de suprimentos entra na movimentação de insumos e serviços para que eles alcancem na empresa o setor destinado. Isso faz com que não falte material para o trabalho. Alguns materiais agropecuários costumam ter o seu transporte mais caro do que a sua produção, podemos citar por exemplo o adubo, que possui baixo custo de aquisição, porém os custos com o seu carregamento geralmente são mais altos. Tudo vai depender do volume a ser transportado e da distância a ser percorrida.

Uma boa logística de suprimentos no agronegócio tende a diminuir os custos de produção e comercialização, ao considerar que a carga seja entregue dentro do prazo para manter as atividades da agroindústria a todo vapor.

Logística de apoio à produção agropecuária

Esse tipo de logística agropecuária faz a transferência dos materiais dentro da empresa, como o transporte interno, manuseio, armazenagem, estoque primário, estoque final, entrega e outros tipos de controle. O objetivo traçado é de racionalizar esses processos da melhor forma possível. Para que isso ocorra sem nenhum tipo de problema, as informações sobre o estoque, aplicação do produto, quantidade e tempo de utilização devem estar sempre atualizados.

Uma redução de custos significativa, ocorre quando a movimentação de cargas é feita na quantidade certa, evitando formar grandes estoques e armazenando de forma que não atrapalhe a produção.

Logística de Distribuição

Boa parte dos produtos agropecuários são perecíveis, por isso, é importante cuidar dos processos na pós-colheita, o que necessita de atenção em relação ao seu transporte, embalagens adequadas, armazenagem com temperaturas apropriadas e controle da umidade relativa do ar. A sazonalidade é outro ponto que merece atenção, pois, dependendo da região, alguns produtos são colhidos apenas uma vez por ano por causa das condições climáticas. Isso faz com que o cuidado seja redobrado com esse tipo de produto.

O desafio na gestão logística dessa etapa é garantir que o transporte se adéque às características dos produtos em suas especificidades, evitando a perda da sua qualidade e atraso na entrega.

As três etapas da logística devem trabalhar integradas, sempre complementando uma a outra com eficiência e eficácia. Por isso, contar com as soluções facilitadoras da Fusion S.A. facilita e muito a boa qualidade do produto e o sucesso dessa operação. Vem fazer mais, vem ser Fusion !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s