A importância de acompanhar o percentual de devoluções e reentregas

A importância de acompanhar o percentual de devoluções e reentregas

Utilizar, acompanhar e aplicar os KPIs (Key Performance Indicator) ou Indicadores Chaves de Desempenho tornou-se um diferencial por otimizar processos logísticos que possibilitam evitar falhas. Mas afinal, o que são KPIs e por que essas métricas podem levar sua empresa ao sucesso?

KPIs

Os KPIs são métricas utilizadas para medir e avaliar o desempenho de uma empresa no alcance de seus objetivos, permitindo acompanhar em números os resultados de tudo aquilo que agrega valor ao negócio.

Isso permite que gestores saibam exatamente o que está funcionando e o que merece mais atenção.

É de extrema importância que se faça a coleta e análise de dados periodicamente, é isso que vai permitir que um bom acompanhamento aconteça.

Por exemplo: saber se o motorista X está levando a mercadoria no seu tempo estimado. Segundo o site Content Trend, as empresas que acompanham periodicamente suas estratégias se dizem 50% mais bem-sucedidas do que aquelas que não fazem o mesmo.

Embora seja comum em setores como RH, comercial e marketing, os KPIs têm um papel fundamental na logística.

Alguns benefícios são:

  • Aperfeiçoam o desempenho;
  • Aumentam a eficiência;
  • Alinham as metas;
  • Identificam pontos fortes e fracos;
  • Proporcionam comparação com períodos anteriores da empresa.

Devoluções e Reentregas

A entrega é o ponto chave da logística , porém, assim como todo processo em qualquer segmento, o erro existe.

Em uma entrega, a distribuidora, o cliente e o destinatário ficam na expectativa para que tudo saia conforme o planejado.

Contudo,  por se tratar de um processo, situações como: o destinatário não poder receber a mercadoria no dia da entrega; ou o destinatário comprou o produto X , mas quando conferiu, percebeu que recebeu o produto Y;  podem acontecer.

Situações como estas ocasionam insatisfação dos clientes, aumento de custo e atraso nas entregas que poderiam ser evitados, caso houvesse um acompanhamento frequente e, assim, descobrir onde está o erro.

Esses foram só alguns exemplos da importância do acompanhamento em números das devoluções e reentregas que deverá sempre estar focada nos stakeholders.

Como calcular o Percentual de Devoluções e Reentregas

O cálculo para saber o percentual de devoluções e reentregas é bem simples.

Basta reunir o número de entregas que geraram reentregas ou devoluções dividir pelo total de entregas (no período) e multiplicar por 100.

Número de entregas que geraram reentregas ou devoluções / total de entregas x 100 = Percentual de devoluções e reentregas.

Outras importantes atividades a serem feitas são definir em qual período deve ser realizado esse levantamento, além de criar metas para que seja possível motivar ainda mais a queda do percentual. 

É possível ainda, com este mesmo indicador, segmentar rotas, regiões, motoristas e mais.

Interpretando os Resultados

Uma vez que os dados estão prontos para fazer a interpretação, basta acompanhar e compará-los com as informações de períodos anteriores, mas lembrando: tenha já uma meta estabelecida.

Desse modo, saberá se os números apresentados estão superando as expectativas ou se é necessário fazer ajustes.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Proudly powered by SpiceThemes