cadeia de suprimentos

Por que a cadeia de suprimentos é importante?

Por que a cadeia de suprimentos é importante? 

O conceito de cadeia de suprimentos apesar de ser muito propagado, ainda gera dúvidas em muita gente. É possível encontrar profissionais que atuam na área da logística a anos, mas que ainda não conseguem definir o seu significado. 

Portanto, é comum encontrar pessoas que não sabem diferenciar cadeia de suprimentos do conceito de logística. 

Afinal, o que é cadeia de suprimentos? 

Você já deve ter ouvido um termo derivado do inglês chamado Supply chain. Contudo esse conceito pode ser definido como a união de vários processos logísticos. 

Entretanto, esses processos envolvem o ciclo de vida de determinado produto, seja desde a origem até o destinatário final. 

Contudo, a cadeia de suprimentos é um conjunto de atividades que envolvem a produção, armazenamento, transporte dos produtos, gerenciamento interno, vendas e distribuições. 

Inclui-se também a compra de matérias primas, controle de estoque e o transporte do produto até o consumidor final. 

Porém, para obter sucesso em todas as atividades é preciso elaborar um bom planejamento e uma otimização, a fim de obter resultados eficientes. 

Por isso, a logística faz parte da cadeia de suprimentos e tem um papel fundamental nela! 

Qual o intuito da cadeia de suprimentos?

Primeiramente, precisamos falar que possuir uma gestão da cadeia eficiente eleva a experiência do cliente. 

Se pararmos para pensar, ultimamente, os consumidores estão prezando mais pela qualidade durante o período de compra. 

Portanto, empresas que investem numa cadeia de suprimentos eficiente conseguem conquistar novos públicos e adquirir uma imagem forte no mercado. 

Além disso, a cadeia de suprimentos serve para gerar satisfação do cliente, a fim de atender todos os requisitos no menor tempo possível, com o intuito de reduzir custos. 

A cadeia de suprimentos é feita para que haja uma troca de informações entre os setores para que eles possam trabalhar de forma estruturada, fazendo que o número de falhas diminuam. 

Como planejar a gestão da cadeia de suprimentos? 

Para obter um planejamento assertivo, é necessário entender que cada empresa produz produtos de  maneiras diferentes. 

Portanto as decisões precisam ser específicas para o seu processo produtivo. Sendo assim, o primeiro passo é realizar uma análise geral da empresa.

Colocar isso em prática é fundamental para compreender os pontos frágeis dos processos, assim como todas as informações de cada etapa. 

Desta forma, o gerenciamento da cadeia de suprimentos será interno e externo, abrangendo todos os pontos, sejam eles indiretos ou diretos. 

Entretanto, deve-se haver um estudo detalhado de cada fase do processo. Pesquise empresas referência em produção (tempo, qualidade, preço). 

O planejamento é necessário, mas produtos finais devem satisfazer o cliente. Contato/fidelidade produtor-consumidor são fundamentais.

Confira quais pontos você deve priorizar! 

Estoque 

O uso do planejamento é um dos pontos mais importantes. É preciso levar em consideração o local onde será armazenado os produtos e seu tempo de permanência.

É recomendado usar o método Just in Time em conjunto com ferramentas de controle e gestão de produção para que não haja falta e nem excesso de materiais no estoque. 

Marketing e equipe de vendas 

É preciso que sua equipe de marketing esteja ciente do andamento da produção, antes de efetuar anúncios ou até mesmo uma venda. 

Entretanto, ao acompanhar a  produção, cumprirá prazos e pedidos dos clientes dentro dos limites de produção.

Manutenção 

Evite intervalos longos entre uma manutenção e outra, isso pode afetar diretamente a produção. Para evitar erros é recomendado fazer manutenções preventivas para garantir a qualidade do processo. 

Transporte 

Essa é uma etapa que precisa de uma atenção a mais. Tenha uma equipe de transporte de confiança e que consiga cumprir os prazos de entrega estipulados. 

Fatores externos 

Durante o planejamento é importante que haja alternativas se houver imprevistos como, fatores econômicos e ambientais. 

Portanto, essas medidas podem gerar cortes de gastos em tempos de crise, mantendo a qualidade do produto. 

Todas as etapas que foram citadas são de grande importância na hora de construir o planejamento, fique atento a todas elas. 

Potencialize o planejamento da cadeia de suprimentos com essas 5 dicas, confira! 

1 – Invista em softwares de integração: 

Ao  usar softwares ERP você agiliza e organiza a ligação entre todos os setores da empresa.

Entretanto, existe um investimento alto para tal, mas o sucesso é garantido, já que resultam em maior segurança e bons resultados. 

2 – Mantenha sua equipe preparada: 

Não adianta ter um bom planejamento em mãos e não ter uma equipe preparada para executá-lo da maneira correta, o planejamento da cadeia de suprimentos deve ser acertivo.

Portanto, é necessário que todas as equipes mantenham conhecimento das etapas e como será feito o processo. 

3 – SAC:

 É de suma importância que todas as empresas possuam um sistema de serviço de atendimento ao consumidor aceitável. 

Não basta apenas receber reclamações e feedbacks dos consumidores. É preciso solucionar os problemas com rapidez, ser claro e objetivos em respondê-los, também é importante. 

4 – Antecipe problema: 

Ao utilizar empresas terceirizadas em partes da cadeia produtiva, é importante salientar os contratos e prazos estipulados;

Contudo, se previna e tenha um plano B, às vezes nem tudo sai como imaginamos e a empresa pode falhar em alguma etapa. Por isso, mantenha sempre contatos de emergência. 

Como gerenciar uma cadeia de suprimentos? 

Ainda sobre a cadeia de suprimentos, existem medidas que devem ser levadas à risca e colocadas em prática, com o intuito de aumentar a qualidade operacional. 

Portanto, é preciso estar atento ao controle dos processos, verificar e antecipar falhas e até mesmo outros pontos que merecem uma atenção redobrada dos gestores logísticos. 

Orientar o planejamento de acordo com a demanda dos consumidores é essencial para a gestão funcionar bem. 

Aposte em uma boa comunicação entre as equipes, pois estamos falando de uma grande quantidade de processos, a gestão da cadeia é sistêmica e sua realização depende de uma comunicação limpa e sem prolixidade. 

 Softwares de automação auxiliam no planejamento utilizando dos melhores recursos para criar estratégias de controle, por exemplo: 

  • Mapear processos;
  • Obter dados/estatísticas sobre desempenho interno/externo; 
  • Comunicação/integração para atender demandas; 
  • Acesso/monitoramento de indicadores (estoque/vendas). 

Quer ficar por dentro das operações e monitorar de perto a cadeia de suprimentos? A Fusion te ajuda! 

O Fusion DMS conta com um módulo de monitoramento de operações, para você ficar por dentro de tudo o que está acontecendo de forma fácil e acessível. 

Entre em contato conosco e faça um orçamento! 

Um comentário em “Por que a cadeia de suprimentos é importante?”

Deixe uma resposta Cancelar resposta